Roupas de Zouk

0
anúncios:
anúncios:

Conhecida no brasil como a “lambada francesa”, o Zouk é uma dança originária das Antilhas e na verdade, é uma ramificação da lambada tradicional. Uma das regiões que mais sofreram influência do Zouk  no Brasil é o norte do país, o ritmo é extremamente popular especialmente no Pará e Amapá. A popularidade da dança fez com que o Brasil criasse um estilo de dançá-lo próprio e único, com passos exclusivos.

A dança se destaca por sua sensualidade, e mescla passos da lambada tradicional, com muitas influências de danças encontradas na América Central, em especial as caribenhas, dando uma “apimentada” a mais em seus movimentos. Ainda há quem diga que o Zouk foi misturada a dança árabe durante a ocupação islâmica na Península Ibérica.

roupas-de-zouk-2

publicidade:

O criador do Zouk foi o grupo Kassav’, através da mistura do calipso, dança afro-caribenho e a makosa, um estilo musical oriundo das regiões urbanas do Camarões. Hoje é praticada em todos os continentes do mundo e disseminada através de profissionais em apresentações e shows.

anúncios:

Sobre as Roupas de Zouk

Nos países de origem, o Zouk adota roupas mais confortáveis. Elas tendem a ter cores alegres, coloridas, ou até mesmo rústicas. As mulheres frequentemente utilizam saias compridas (porém não sociais) e para os homens a produção se resume ao estilo esporte fino. No entanto, as escolhas devem ser feitas com cuidado para que haja uma sintonia de cores e estilos entre aqueles que vão dançar.

Mais abaixo você encontra algumas imagens e sugestões para se basear na hora de montar o seu look. Mas não se preocupe, para simples apresentações, não há exigência de algo muito sofisticado.

anúncios:

roupas-de-zouk

roupas-de-zouk-1

roupas-de-zouk-3

roupas-de-zouk-4

Os passos de Zouk

Como já destacamos, os passos do Zouk têm forte influência na lambada, alguns deles possuem marcação de três tempos, e um movimento de revezamento do “rebolado” dos quadris. Os brasileiros adaptaram o seu jeito de dançar incluindo movimentos de dança de salão. Por isso a dança em nosso país não possui uma coreografia tão simples, para aprender corretamente, é necessário treino e dedicação.

Na maioria das vezes, os passos são conduzidos pelo homem que apoia (o quadril, costas, braços, cabeça) e indica quais serão os próximos as mulheres. A dificuldade está concentrada no público feminino, diversos movimentos são bem complexos.

O Zouk brasileiro é dançado não apenas aqui, mas também em outros países. Inclusive nós fomos capazes de criar um passos para o estilo que não são encontrados em nenhuma outra dança, ele consiste em um movimento rotativo da cabeça, semelhante aos exercícios de relaxamento conjugado com outros movimentos do corpo. Utilizando os passos do Zouk brasileiro, você pode dançar outros estilos de música, a exemplo do kizomba, tarraxinha, cabolove, cabozouk, remixes, R&B, hip hop, etc.

A ideia da dança é promover os movimentos sensuais, mas ao mesmo tempo elegantes e graciosos. Os ”cambrê”, por exemplo, são muito executados especialmente nos finais das músicas. Não há passos mecanicamente memorizados, mas sempre aqueles que vão “chamando” para os próximos de uma maneira natural e harmonizada. No entanto, a harmonia simétrica na dança é algo complicado de se conseguir, pois depende de ambos os dançarinos, que precisam executar os passos com o mesmo ritmo. A resposta à condução e leitura corporal da música, é o que permite formar uma parceria perfeita.

Em alguns países, é conhecido como Zouklove, sendo que três dos principais movimentos são: zoukcannelle (canela), o zoukgingembre (gengibre) e o zoukpiment (pimenta).

Algumas pessoas confundem-no com o Kizomba, no entanto, a dança a origem deste é angolana, com forte implementação em países africanos de língua oficial portuguesa.

Uma das primeiras brandas a tocar o ritmo em nosso país, foi a Le balMasqué em meados de 1989 na cidade de São Paulo e também a Brazouk, em 1991, na cidade de Belo Horizonte. Além do Zouk Love, também temos algumas variações como o Flow, Revolution e o Soulzouk.

Aprenda pela internet

Se você tem o desejo de aprender pode buscar por uma escola de dança ou pegar algumas dicas básicas de passos pela internet mesmo. Há muitos vídeos instrucionais no YouTube. Selecionamos abaixo algumas vídeo-aulas que demonstram os passos básicos, e como executá-los da maneira correta, divirta-se:

Deixe um comentário!

anúncios:
COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA