Minha Casa Minha Vida

publicidade:

O Programa Minha Casa Minha Vida, criado pelo governo federal para atender pessoas de baixa renda na compra da casa própria, teve suas regras mudadas desde setembro de 2015.

De acordo com essas regras, foi criada uma faixa intermediária de renda, para pessoas que ganham entre R$ 1.800 e R$ 2.350, com aumento de juros para famílias que tenham renda acima de R$ 2.350 mensais.

Essas novas regras valem apenas para contratos novos, servindo para a terceira etapa do programa, que está recebendo inscrições mas ainda não tem data de lançamento. Embora os juros sejam menores que o mercado, o ajuste fiscal promovido pelo governo federal deverá tornar as prestações mais caras que nas etapas anteriores.

publicidade:

Como vai funcionar a terceira etapa do Minha Casa Minha Vida 2016

minha casa ardosia paraopeba .

publicidade:

Para os beneficiários do programa isentos de juros, a renda máxima familiar deverá ser de R$ 1.800 mensais, acima dos R$ 1.600 anteriores, o que, segundo o governo, irá permitir que mais pessoas sejam beneficiadas. Com essa nova faixa, as famílias que recebem até R$ 800 pagarão uma parcela mensal de R$ 80.

Os que recebem entre R$ 800 e R$ 1.200, pagarão 10% da renda mensal; famílias com renda entre R$ 1.200 e R$ 1.600 terão um percentual de 15% e, para quem ganha até R$ 1.800, a parcela da casa própria será de 20%.

Dentro da faixa intermediária, chamada pelo governo de faixa 1,5, o subsídio do governo será de R$ 45 mil. A renda mensal deverá estar entre R$ 1.800 e R$ 2.350 para entrar nessa categoria, e a família deverá pagar uma taxa de 5% de juros ao ano pela compra do imóvel.

Acima dessa faixa, na denominada faixa 2, os juros vão ficar mais altos: para quem ganha até R$ 2.700, os juros serão de 6% ao ano; para quem ganha até R$ 3.600, serão de 7%.

Hoje, quem ganha até R$ 2.455, os juros são de 5% ao ano e, para quem ganha até R$ 3.275, são 6% ao ano.

O programa ainda tem a faixa 3, onde também haverá aumento de juros. Para quem recebe até R$ 6.500 os juros serão de 8% ao ano, ao contrário da taxa anterior, que era de 7,16% para quem tinha rendimento mensal de até R$ 5 mil.

Sem data de início para a terceira etapa do Minha Casa Minha Vida 2016

O governo federal ainda não tem data para o lançamento da terceira etapa, e isso, segundo informações, só deverá ser feito após o ajuste fiscal que está sendo levado a cabo pelo governo. Não se sabe também quanto será investido ou quantas casas serão construídas.

De qualquer maneira, outras regras do Minha Casa Minha Vida 2016 não foram alteradas, como, por exemplo, o prazo de pagamento, que continuará sendo de 10 anos, e as novas regras não afetarão os contratos já feitos, somente valendo para os novos.

Mesmo com a mudança da taxa de juros, o sistema de financiamento ainda será feito pela Tabela Price, pela modalidade do Sistema de Amortização Crescente (SAC), quando as parcelas vão sendo gradualmente reduzidas com o tempo, no prazo de até 360 meses (30 anos).

Os imóveis construídos em áreas rurais também terão faixas de renda e valores de unidades atualizados. Com isso, o grupo 1 do programa deverá ter a renda anual aumentada de R$ 15 para R$ 17 mil.

MINHA-CASA

Casas já entregues no Programa Minha Casa Minha Vida

Até o final de 2015, com seis anos de programa, foram entregues 2,3 milhões de casas, de acordo com a informação do governo federal. Ainda estão faltando 1,4 milhão de moradias para serem entregues da fase 2 do Minha Casa Minha Vida, fase que teve um custo de R$ 125,7 bilhões. Considerando todo o valor investido, nos seis anos do programa, o Minha Casa Minha Vida consumiu R$ 270 bilhões.

Mas ainda falta muito para resolver o problema de moradia no Brasil. Segundo levantamento feito pelo IBGE no final do ano passado, são 33,9 milhões de pessoas ainda sem casa própria em nosso país.

Deixe um comentário!

6 comentários em “Minha Casa Minha Vida

  • janeiro 16, 2016 a 12:37 pm
    Permalink

    Bom dia,

    Aonde estão as abas, os campos de acompanhamento de cadastro e alterações??
    Não se faz nada além de um tour por essa página, a parte ultilitária mesmo fica em segundo plano, ou ir até um posto da SEDHAB, e tirar o dia para resolver qualquer alteração ou pendência, poderia ser mais simples.

    Responder
  • janeiro 19, 2016 a 1:52 pm
    Permalink

    Moro no Gama DF a bem mais de 5 anos e quando vejo meu cadastro o site fala que to fora to programa porque não resido no DF,fui na codhab pra consertar o erro e o site tá fora do ar,bom não sei o que fazer.

    Responder
  • janeiro 21, 2016 a 2:02 am
    Permalink

    Como faco para obter informacai da proxima chamada minha casa minha vida.em Dalvador Bahia.
    Aquardo.

    Responder
  • janeiro 22, 2016 a 5:17 pm
    Permalink

    Boa trd, moro na vl nova galvao a bem mais de 29 anos estou me cadastrando pela primeira vez. Como eu fasso pra mim esta por dentro da uniao e tbm esta participando mais

    Responder
  • Pingback: Construções Populares

  • janeiro 28, 2016 a 4:38 pm
    Permalink

    E quem recebe menos de 800 reais não pode participar do minha casa minha vida?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *