Microscópio Óptico

0

anúncios:

O microscópio óptico tem a função fundamental de fazer com que minúsculos objetos possam ser vistos através de suas lentes. Sem ele, seria impossível ver a olho nu determinadas estruturas. De modo geral, eles são utilizados em laboratórios de várias naturezas, inclusive para observar estruturas diferenciadas.

Veja Também: Cabo de Vela: Saiba como testar e quando trocar

A imagem que se vê através do microscópio óptico é ampliada já que ele tem dois tipos de lentes: ocular e objetiva. Normalmente, a capacidade de aumento varia entre 100 e 1200 vezes e isso permite que a visualização seja minimamente detalhada.



Microscópio Óptico Estrutura

Existem duas partes que compõem a estrutura do microscópio óptico: a mecânica e a óptica.

pl623243-microsc_pio_ptico_de_digitas_do_monocular_do_ocular_wf10_18_com_fase_das_duplas_camada

Composição mecânica do Microscópio Óptico

Base ou pé: sustenta o microscópio e deve estar sempre apoiada em um lugar seguro e plano.

Coluna ou braço: começa imediatamente onde termina a base e serve como haste estrutural dos outros componentes.

Platina ou mesa: a estrutura que deverá ser observada fica nessa parte. Uma abertura permite que os raios luminosos passem através dela.

Charriot: essa peça permite que a lâmina seja movimentada. Dessa forma é possível regular o seu posicionamento.

Tubo ou canhão: esse é o suporte da lente ocular.

Revólver ou óptico: suporte das objetivas. Ele fica fixado em uma das extremidades do tubo, o que facilita a substituição de uma lente por outra e elas ficam em posição de rotação na hora da observação.

Parafuso macrométrico: permite grandes deslocações da platina.

Parafuso micrométrico: exerce movimentos mais lentos, porém seu papel fundamental é auxiliar nas focagens mais precisas.

Composição óptica

Sistema de ampliação: esse é o sistema de lentes que é composto por dois tipos de lentes – as objetivas e as oculares.

Lentes objetivas: podem ser duas lentes ou mais que são colocadas na extremidade que fica mais próxima do objeto. Elas orientam, espalham a luz, ampliam e projetam uma imagem real e invertida da imagem.

Objetivas de imersão: para utilizá-las é necessário pingar uma gota de óleo de imersão para que o feixe de luz não saia do foco. O objetivo é aumentar o poder de resolução da objetiva.

Lentes oculares: ficam mais próximas do observador e encontram-se na extremidade do tubo. São elas que recebem a imagem da objetiva e a transforma em real.

Diafragma: é através desse dispositivo que é possível permitir que entre mais ou menos luz para a platina.

Condensador: podem ser duas ou mais lentes que orientam e espalham luz para o campo de visão do microscópico.

Espelho: reflete a luz da fonte luminosa e a joga na platina.

Microscópio óptico (Partes)
Nesta imagem ilustrativa, observe as partes de um microscópio óptico. (Foto: Divulgação)

Como fazer para observar um objeto no Microscópio óptico

Antes de qualquer observação, o ideal é que seja verificada a iluminação para deixá-la exatamente como deseja. Posteriormente, é preciso utilizar as lentes objetivas com atenção e cuidado. Para começar, é aconselhável que se use a de menos poder de ampliação e assim sucessivamente. Preocupe-se também com a focagem.

Veja Também: Como usar câmbio automático

Assim que a estrutura é colocada na platina, a lente objetiva forma uma imagem invertida e com dimensões maiores. É nessa hora que o observador será capaz de enxergar o real aumentado.

O manuseio de um microscópio óptico requer prática e conhecimento. É completamente aceitável se arriscar para conhecer melhor as coisas, mas se o seu objetivo é aprender a mexer em um desses mais profundamente, a dica é se informar para não correr o risco de danificar o aparelho.

Microscópio Óptico Preço

O preço do Microscópio Óptico varia muito. Você encontra à partir de 79,00.

Deixe um comentário!

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA