Como fazer uma Pulseira de Elástico

0
anúncios:

Se você ainda não entrou na onda de fazer uma pulseira de elástico, precisa saber que é a moda do momento. São as chamadas loom bands, feitas numa espécie de tear denominado Rainbow Loom, uma moda que chegou a até mesmo conquistar a família real britânica: Kate Middleton e o príncipe William já chegaram a suar a pulseira de elástico em diversos eventos.

Da mesma forma que na Grã-Bretanha, outros países do mundo também aceitaram as pulseiras multicoloridas, tornando-se a moda do momento, com crianças entrelaçando os elásticos para fazer pulseiras e colares, enquanto os pais se cansam de pegar os toquinhos de restos de elástico pelo chão da casa toda.

O Raimbow Loom é o instrumento mais prático usado para fazer pulseiras de elástico. Trata-se de um tear transparente, que transforma a matéria prima (simples elásticos) em bijuteria. O Raimbow Loom já foi comprado por mais de 3 milhões de usuários no mundo todo.

anúncios:


cropped-pulseiras-de-elásticos-1Como sensação do momento, a pulseira de elástico pode ser vista entre as estatísticas do site britânico da Amazon, colocando o tear entre os 30 brinquedos mais procurados, tornando-se uma verdadeira febre na Europa e, agora também, em terras americanas.

anúncios:

Mesmo tendo como público alvo as crianças com idade até 12 anos, as loom bands viraram moda entre os adultos e até mesmo entre celebridades, como por exemplo Harry Styles e David Beckham.

O grande barato de fazer pulseiras de elástico é que se trata de uma diversão que pode ser vendida, conseguindo ainda uma grana extra. Com criatividade é possível fazer sempre pulseiras de elástico diferentes, com modelos exclusivos, com as cores que a pessoa quiser.

anúncios:

Onde surgiu a pulseira de plástico

A ideia de fazer pulseiras de elástico apareceu na Malásia, conquistando o mundo. O kit, também criado na Malásia, conta com os elásticos, a agulha de plástico e os ganchos que tem um preço médio de R$ 5,00, podendo render entre 5 e 10 pulseiras, a depender da espessura de cada uma e do modelo escolhido.

O inventor do Rainbow Loom é Cheong Choon Ng, um americano que nasceu na Malásia e que trabalhou em empresa de tecnologia norte-americanas, em Michigan. A ideia, segundo ele, nasceu ao observar suas filhas entrelaçando pequenos elásticos com os dedos. Como seus dedos eram grandes demais, não conseguia fazer as pulseiras. Foi aí que inventou o tear.

Lembrou-se do tear à moda antiga, usando pinos sobre a base de madeira, o que tornou a criação de pulseiras de elástico muito mais sofisticada.

Daí para um empreendimento foi um passo: Choon Ng investiu 10 mil dólares para fabricar os teares de plástico. Logo após uma loja de brinquedos terminou com o estoque em questão de outras e outros estabelecimentos também mostraram interesse. Em seguida, foi a vez de conquistar o resto do mundo.

Na internet você vai encontrar centenas de tutoriais, em vídeo, que ensinam como fazer a pulseira de elástico, aderindo não só à moda, mas também à produção para encher os olhos dos adeptos e conseguir um dinheiro extra com sua venda.

Com a criatividade, muita gente já descobriu que não é preciso ter o kit Raimbow Loom para fazer as pulseira de elástico. Podem ser usados garfos, lápis, molas e até mesmo as mãos. O princípio básico é deixar os elásticos bem esticados.

Você vai encontrar inúmeros modelos de pulseira de elástico. Para quem está começando com a ideia, é melhor escolher os modelos mais simples, mas os que já conhecem, podem fazer desde os mais simples até os modelos escada, dragão, hexafish e muitos outros.

O kit Raimbow Loom também permite criar bichinhos, anéis, roupas, vestidos e blusinhas e parece que a criatividade não vai parar aí.

Para fazer a pulseira de elástico você só vai precisar de elásticos coloridos, a agulha, um garfo, os próprios dedos e os fechos de plástico para colocar nas pulseiras. Também há a possibilidade de customizar as pulseiras de elástico, utilizando cores as mais variadas e até mesmo escrevendo nomes no meio delas.

Deixe um comentário!

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA