CadÚnico

0
publicidade:

Se você já leu alguma notícia sobre planos políticos envolvendo ações beneficentes a famílias pobres ou que estejam em extrema pobreza, saiba que um dos responsáveis por identificar essa necessidade é o CadÚnico.

O Cadastro único é um banco de dados do Governo Federal, que é alimentado por todos os estados do território nacional, essa ferramenta permite que os órgãos públicos promovam condições e projetos para melhoria da qualidade de vida.

CadUnico, o que é?

cadúnico

publicidade:

É um banco de dados informatizado que tem por objetivo identificar famílias que são de baixa renda, são consideradas famílias com baixa renda um valor per capita de meio salário mínimo, ou que todos os rendimentos financeiros dos integrantes familiares sejam de até três salários mínimos.

publicidade:

Esse banco de dados permite que o Governo Federal tenha acesso as informações das estruturas socioeconômicas dessas famílias, uma das principais informações são:

  • Informação do núcleo familiar
  • Forma de acesso ao serviço público
  • Características do domicilio
  • Dados individuais dos integrantes familiares

Esses são apenas alguns exemplos, mas ainda há mais informações, no entanto dados básicos como estes permitem que o Governo Federal formule projetos ou implemente ações políticas para beneficiem as famílias inseridas nas condições de baixa renda.

Saiba como é utilizado o CadÚnico.

Quem administra essas informações é o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), que utiliza esse banco de dados para definir prioridades de quem recebe benefícios em programas sociais, agindo em favor de famílias que necessitam de ajuda, promovendo melhor qualidade de vida.

Como se Cadastrar no CadÚnico?

Para que uma família seja inclusa no cadastro único é necessário que entre em contato com a prefeitura da cidade, pois são os responsáveis pela coleta das informações, ao reunir todos os dados, apresenta ao estado para que em seguida, chegue ao conhecimento do Governo Federal.

Clique aqui para se cadastrar

A coleta da informação pode acontecer de três formas:

  1. De porta em porta
  2. Pontos estabelecidos pela prefeitura para o cadastro.
  3. Evento público, de inclusão social

Quem pode se cadastrar no CadÚnico?

O funil começa quando a renda familiar deve ser de até meio salário mínimo por indivíduo.

Algumas informações que são avaliadas quando cadastradas, estas são algumas:

  • Informações da residência: quantos cômodos tem a casa, qual o tipo de construção, se há tratamento de agua, esgoto, coleta de lixo).
  • Informação familiar: quantas pessoas compõem a família, se há integrantes com algum tipo de deficiência).
  • Documentação de cada integrante da família.
  • Escolaridade dos familiares
  • Se possui qualificação profissional e situação no mercado de trabalho e remuneração
  • Qual valor das despesas mensais da família: se pagam aluguel, valor de transporte, alimentação, entre outras informações.

Renda familiar o que é?

Falamos bastante sobre renda familiar, mas separamos um momento nesse artigo para que possamos compreender um pouco melhor o que é.

A renda é composta de toda atividade remunerada, seja ela trabalho registrado, autônomo, chamados de bico, estes que somados formam um valor bruto para o sustento familiar.

Há diversos auxílios governamentais, isso para cada situação familiar, quando um grupo recebe uma bolsa auxilio, este não é incluso no valor bruto mensal.

Conheça 3 programas de programas sociais:

  1. Programa de Erradicação do Trabalho Infantil;
  2. Programa Agente Jovem de Desenvolvimento Social e Humano;
  3. Programa Bolsa Família

É possível realizar o cadastro do Cadunico pela internet?

O cadastro único não pode ser realizado pela internet, somente é possível ser incluso, pela prefeitura da sua cidade.

Na internet você poderá apenas consultar informações sobre o funcionamento do cadastro único e compreender se o perfil de sua família se enquadra no cadastro único.

Qualquer dúvida o Governo Federal disponibiliza um telefone para esclarecimentos de dúvidas, então ligue 0800 726 0207 ou no site www.caixa.gov.br.

Acesso ao CadÚnico

Quando o grupo familiar é cadastrado, pode acontecer duas coisas:

  1. A primeira é receber um login e senha, para acessar os dados no site.
  2. O responsável familiar fará o cadastro no site, podendo ser ponto indicado pela prefeitura.

Os dados podem ser consultados em www.cadastrounico.caixa.gov.br

Realizei o CadÚnico e mas não recebo benefícios?

Esta é uma das maiores perguntas, é necessário esclarecer que o cadastro único não garante o recebimento de bolsa auxilio.

Você apenas contribui com informações, que quantificam a necessidade de pessoas de baixa renda, informações que promovem ações políticas que favorecem a mudança do ambiente de forma positiva, onde estão inseridas as famílias.

Se essas informações estiverem dentro do perfil de alguma bolsa auxilio, será indicado e orientado pela prefeitura ou assistência social, quais dados são necessários e documentações, para participação e inclusão.

Documentos necessário para cadastrar no CadÚnico

É necessário que o responsável familiar responda ao questionário, na ausência do responsável outro integrante maior de 16 nos pode responder as perguntas, no entanto deve morar na mesma residência.

É importante saber que o responsável não precisa ser necessariamente uma mulher, mas se ela for, aumentas as chances de enquadrar em programas de auxílio.

Para cadastrar é necessário apresentar pelo menos um dos documentos desta lista de cada integrante familiar.

  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • CPF;
  • Carteira de Identidade (RG);
  • Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI);
  • Carteira de Trabalho;
  • Título de Eleitor.

É interessante apresentar um comprovante de endereço para facilitar o cadastro único, mas se não tiver, não é obrigatório, mas ajuda e muito o seu perfil.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA